89,00 €

Nem todas as pessoas. Os medicamentos sujeitos a receita médica podem ajudar na perda de peso para pessoas com excesso de peso ou obesidade.

Contudo, esta não é uma opção indicada para pessoas que:

  • Têm um IMC de 27 ou menos
  • Têm menos de 18 anos
  • Sofrem de certos problemas de saúde
  • Tomam certos medicamentos.

Que tratamentos existem?

Em Portugal, existem apenas dois medicamentos sujeitos a receita médica para a perda de peso.

De forma simples, estes comprimidos atuam ao impedir que a gordura seja absorvida. No total, cerca de 1/3 da gordura ingerida é eliminada pelas fezes, em vez de ser absorvida pela corrente sanguínea.

Quem os pode tomar?

Nem todas as pessoas que desejam perder peso podem tomar estes medicamentos. Existe um critério específico que deve ser considerado antes da prescrição.

O Índice de Massa Corporal ou IMC é usado como um indicador para pessoas que procuram medicamentos de prescrição para perder peso. É calculado tendo em conta a altura e o peso.

Um paciente pode tomar medicamentos para perder peso se:

  • Tiver um IMC igual ou superior a 30
  • Tiver um IMC igual ou superior a 27 e outras condições médicas como hipertensão arterial, colesterol elevado ou diabetes.

Os medicamentos para perder peso apenas são prescritos a pacientes dedicados a perder peso. Pelo que o seu médico irá sugerir alterações ao estilo de vida como uma dieta saudável ou aumento da atividade física. 

Dentro dos primeiros três meses após tomar medicamentos para a perda de peso, esta deve ser de 5% do seu peso total. O seu médico pode decidir parar o tratamento ou sugerir métodos alternativos para a perda de peso.

Quem não deve tomar medicamentos para perder peso?

  • Se o seu IMC é igual a 25 ou mais baixo, não deve tomar medicamentos para perder peso. Estes não são indicados para pessoas com excesso de peso ou obesidade. 
  • Os medicamentos para perder peso não estão indicados para grávidas.
  • As mulheres a amamentar não devem tomar Orlistato ou Xenical, uma vez que não é sabido se estes medicamentos passam para o leite materno. 
  • As mulheres que estão preocupadas com o seu peso durante a gravidez devem falar com o seu médico.
  • O Orlistat e o Xenical não estão aprovados para pessoas com menos de 18 anos.
  • As pessoas com síndrome de má-absorção e colestase não devem usar medicamentos para perder peso. As pessoas com doença renal crónica devem ser monitorizadas enquanto tomarem estes medicamentos. 
  • Pessoas alérgicas a qualquer uma das substâncias presentes no Orlistat ou Xenical devem evitar a sua utilização.

Outros medicamentos e tratamentos para perder peso

Os medicamentos para perder peso podem interagir ou alterar a eficácia de outros medicamentos. O seu médico terá de saber sobre quaisquer medicamentos que tenha tomado recentemente.

Este tipo de medicamentos pode levar a efeitos secundários como diarreia. Este efeito secundário pode potencialmente impedir a eficácia da pílula contracetiva. Nestas circunstâncias, deve adotar métodos de contraceção adicionais.

Perder peso em segurança

Os motivos que levam à perda de peso podem ser diferentes de acordo com o indivíduo. Uma pessoa pode estar motivada a perder peso por motivos de saúde, enquanto outra pode estar motivada a melhorar a sua aparência.

É importante encontrar um método para a perda de peso que seja sustentável. Os medicamentos para perder peso apenas são eficazes quando usados corretamente em conjunto com uma dieta saudável e exercício físico.

Página revista em:  17/09/2018