A locarserina é um medicamento utilizado para tratar a obesidade contendo cloridrato de locarserina hemi hidratado. É também conhecida como Belviq.

Como funciona a locarserina?

O medicamento atua ao inibir o apetite e acelerar o metabolismo. O seu funcionamento acontece pela estimulação da liberação da POMC (propiomelanocortina modulador das sensações de fome e desejo de comer) pelo agonista serotoninérgico seletivo receptor 5-HT2 (Locarserina).

Por que motivo a locarserina foi proibida na União Europeia?

Apesar de ser um tratamento permitido em alguns países, a Locarserina (Belviq) não foi aprovada na União Europeia por contas dos seus efeitos secundários, como alucinações, espasmos musculares descontrolados, alterações do estado mental, agitação, diarreia, vómitos, alteração na pressão arterial, dentre outros. O produto também apresentou potencial risco de tumores com o uso a longo prazo nos testes laboratoriais realizados.

Alternativas à Locarserina:
tratamentos disponíveis para o excesso de peso

Existem alguns medicamentos seguros aprovados para tratar a obesidade na União Europeia, como o Orlistato, versão genérica do Xenical; Saxenda ou Mysimba. Estes medicamentos são sujeitos à receita médica e devem ser indicados por um médico para que tenha certeza de que seja seguro para si. Existe também no mercado um tratamento de venda livre chamado Alli, que contém uma dose mais baixa do Orlistato e está disponível para comprar em farmácias locais ou online. De todo modo, será preciso aconselhamento com o farmacêutico para adquirir este tratamento.

É muito importante consultar um médico antes que decida começar um tratamento para excesso de peso, pois, pode desconhecer outras possíveis causas para o seu excesso de peso que talvez exijam outro tipo de tratamento, que pode não necessariamente incluir medicamentos para obesidade.

Página revista em:  19/08/2019